FASP: 9 categorias na temporada 2020

Veja aqui os regulamentos técnicos. Open Paulista e Marcas & Pilotos são destaques

O Campeonato Paulista de Automobilismo, um dos mais tradicionais e longevos do País, terá nove categorias na temporada 2020, que inicia em Interlagos no fim de semana que une os meses de fevereiro e março. As nove categorias, e suas respectivas classes, tiveram seus regulamentos revisados ou criados com foco primordial nas demandas dos pilotos e preparadores e nos custos de preparação e manutenção; seus respectivos textos homologados já estão publicados no site da Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP).

A novidade maior é a criação da categoria Open Paulista, especialidade que visa fomentar a utilização de qualquer modelo de competição e de preparação (foto de abertura), sempre dentro de condições de segurança atualizadas. A categoria Marcas & Pilotos passa a utilizar os padrões adotados pelo Campeonato Brasileiro de Turismo Nacional, decisão que facilita o trabalho das equipes no desenvolvimento de seus modelos para o certame nacional.

“A criação da categoria Open Paulista reflete uma tendência mundial de abrir espaço para todo tipo de veículo de competição e preparadores e desenvolvedores, profissionais que tiveram seu espaço de trabalho reduzido com a popularização dos torneios monomarca”, explica José Aloizio Cardozo Bastos, o presidente da FASP.

O espírito da Open Paulista pode ser definido como próximo da categoria Força Livre pois permite a participação de protótipos e modelos de alto desempenho. Aberta a qualquer veículo de competição com exceção a carros de fórmula, autocross, gaiolas e outros, conforme consta no regulamento técnico, ela exige que os veículos admitidos atendam aos artigos e parágrafos do anexo J da Federação Internacional do Automóvel (FIA) e seus boletins de atualização.

Carros do Campeonato Nacional de Turismo poderão disputar Campeonato Paulista (CNT)

Com relação à modalidade “Marcas & Pilotos” a linha mestra da revisão do regulamento técnico foi consolidar a renovação do parque de veículos, tendência que ganhou força em 2019 com o sucesso das normas adotadas pelo Campeonato Brasileiro de Turismo Nacional.

“Esse campeonato foi consolidado como um sucesso em termos de variedade de modelos e número de inscritos, sem falar no custo reduzido de preparação e manutenção dos carros. Para não prejudicar aqueles que ainda mantém seus carros usados até o ano passado acrescentamos ao regulamento do Turismo Nacional condições que permitem sua participação nas provas deste ano”, comentou o presidente do Conselho Técnico Desportivo Paulista (CTDP), Marcus Ramaciotti.

As demais categorias que compõem do Campeonato Paulista de Automobilismo de 2020 e já tem seus regulamentos homologados e publicados no site da FASP são as fórmulas 1600, Inter e Vee, Classic Cup, Clássicos de Competição, Old Stock Race e Opala 250.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.