Bruna Tomaselli tenta a W Series 2020

Seleção para 8 vagas acontece no circuito de Almeria, na Espanha

Na próxima segunda-feira a brasileira Bruna Tomaselli entra na pista para disputar a Seletiva 2020 da W Series, primeiro campeonato internacional de automobilismo aberto apenas para mulheres. Junto com Bruna outras 11 pilotas disputarão as oito vagas abertas para a temporada 2020, que em princípio repetirá a série de seis etapas disputadas este ano em Assen (Holanda) Brands Hatch (Inglaterra), Hockenheim (Alemanha) Misano (Itália) Norisring (Alemanha) e Zolder (Bélgica). É a segunda vez que Bruna participa dessa peneira e este ano sente-se mais à vontade para o desafio:

“Estou ansiosa para chegar em Almería e sou muito grata por essa oportunidade. Minha temporada de 2019 está sendo muito boa e me sinto mais bem preparada para esse teste do que quando disputei a seletiva anterior. Acredito que tenho chances e espero disputar o campeonato do ano que vem”.

O circuito de Almeria está localizado no sudoeste da Espanha (Circuito de Almeria)

As 12 melhores classificadas na temporada de 2019 têm suas vagas garantidas para 2020 enquanto as oito vagas remanescentes serão disputadas pela brasileira e por Anna Inotsume (Japão), Ayla Agren (Noruega), Belén Garcia (Espanha), Chelsea Herbert (Nova Zelândia), Courtney Crone (EUA), Gabriela Jilkova (República Tcheca), Hannah Grisman (EUA), Ira Sidorkova (Rússia), Katherine Legge (Grã-Bretanha), Michelle Gatting (Dinamarca) e Nerea Marti (Espanha), todas elas sem participação na categoria.

Tauus F3 T-198 é equipado com motor Alfa Romeo 2.0 turbo e potencia de 279 cv (W Series)

A seleção será feita através de avaliações psicológicas, testes em simuladores e voltas no traçado espanhol, que mede 4,2 km. A holandesa Beitske Visser e a japonesa Miki Koyama, respectivamente vice-campeã e sétima colocada na temporada deste ano, serão responsáveis pelo acerto básico dos carros e por estabelecer os tempos de comparação.  A W Serie usa chassis Tattus F3 T-318 equipado com motor Alfa Romeo turbo, 2.0 e de 270 cv e câmbio sequencial Sadev SL-R 82.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.