Old Stock troca Pirelli por Michelin

(Foto Rádio Autódromo)

Pilotos solicitavam mudança há tempos

Mudança vale para a próxima prova

Categoria light é cogitada

Antiga reivindicação dos pilotos da Old Stock Race (OSR), a substituição dos pneus Pirelli Phantom pelos Michelin Primacy 3 na medida 205/33 R16 foi aprovada em reunião com os responsáveis pela categoria que utiliza o Opala com motor de seis cilindros e emula os primeiros modelos da Stock Car brasileira. No encontro realizado ontem também foi discutida a possível criação de uma classe B para facilitar a adesão de pilotos com carros de preparação mais limitada. A próxima etapa da Old Stock Race está marcada para o dia 2 de julho, quando a mudança do equipamento entra em vigor.

Michelin Primacy 3 (Esquerda) vai substituir o Pirelli Phantom na Old Stock Race (Divulgação).

A mudança de pneus foi tomada em função de reclamações sobre o desempenho e o desgaste dos Pirelli Phantom, modelo de reposição e que após o lançamento do Cinturato P1, no final de 2015, teve sua produção diminuída gradativamente. Um teste realizado com os pneus Michelin no autódromo de Curitiba, meses atrás, acendeu o interesse dos pilotos em cobrar a mudança do equipamento; se a performance do modelo da marca francesa foi superior em piso seco, a diferença notada no desempenho em pista molhada foi considerada gritante. Os novos pneus serão comercializados com preço reduzido e fornecidos por um revendedor paulista, sem envolvimento direto da fábrica.

Mario Broering, Rodrigo Helal e Alex Pimenta em boa disputa em Interlagos (Radio Autódromo).

Com relação à criação de uma subdivisão da categoria a diretoria da OSR deverá definir em breve os parâmetros que definirão o regulamento. O foco, porém, já é conhecido: permitir a participação de automóveis com preparação menos elaborada e, principalmente, mais econômica. Acredita-se que existam hoje cerca de 40 carros em condições de participar e aproximadamente 60% deles estão construídos e preparados dentro do regulamento atual; os demais estão em fase de acabamento interrompida em consequência da crise econômica atual. Ainda que facilitar o acesso a concorrentes com menor poder financeiro seja louvável, Motores Clássicos lembra que outras categorias foram deterioradas pela proliferação de subdivisões.

Grid da OSR poderá crescer com a criação da classe Light (Radio Autódromo).

2 Comentários

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*